quinta-feira, dezembro 22, 2005

Minha própia Cinemateca!!!

Esta noite eu quero ir mais além... EU NÃO DEVO NADA PRA NINGUÉM

Você sabe que eu sou uma mulher, minha parte eu faço bem, meu coração não mudou...mudou não....amanhã quem sabe...até te pague um cinema, mas é que eu hoje já chamei as minhas amigas pra sair...e se eu puder eu vou me divertir....


Fragmentos da música de Ana Carolina

Sim, você passou por mim, e mesmo no meio da multidão eu consegui te sentir. E meus olhos te acharam! E, depois de um dia maravilhoso, lá estava você, como uma falha na Matrix, atrapalhando, invadindo...tinha que ser...tinha ser um filme, não é mesmo? O nosso roteiro é este...a nossa história, a nossa trilha sonora...quando esta saga vai terminar? Ou você não percebeu que a nossa trilogia chegou ao fim? Naquele momento, eu estava dirigindo a minha nova maratona, e não mais a nossa.

“The End” é o que temos que colocar na nossa película. Assim, evitaremos o famoso “To be continued”.

Pois, hoje, amanhã e todos os dias que ainda virão na minha vida, eu estarei “no escurinho do cinema, chupando um drops de anis, longe de qualquer problema” e muito bem acompanhada!

Senhorita Chazin, você sabe que não é pra você, mas...TE DEDICO ! ╗
Intertítulo do MEU FILME

2 comentários:

Alê disse...

Lembra do que o tio Paulo falou: "esquecendo-me das coisas que para trás ficam, prossigo!".

bj.

ps.:Cinema sim, mas sem aspirinas desta vez!

Rajaat disse...

Belo marimbondo ;-)