quarta-feira, janeiro 30, 2008

O verão acabou...cedo demais...

Então recebo uma notícia...

Penso "Ah...é mais um daqueles scraps que contém virus (por isso e outros motivos odeio Orkut)" - Não era um virus, era verdade.

Mas aí fico quietinha, tentando fazer "cair a ficha" - não cai. Até deixo a alegria entrar no meu coraçãozinho (segredinho, desculpa! rs), mas nem assim e olha que eu esperei tempos por esta "alegria".
Daí venho aqui, e vejo um comment da Priscila M.R., pedindo atualizações no blog...


Passei o dia pensando em algo, mas nada! Só a tristeza da tal notícia. Não queria postá-la, pois já havia falado de perdas nos posts anteriores, e não queria que pensassem que só falo nisso, mas depois achei que dividindo com vcs, passaria a dor.

Namorei com ele na minha adolescência, eu era pra ele (pasmem!) aquela que ele sempre sonhou. E um dia, ele me confessou que quando nos beijamos pela primeira vez no elevador...ele nem dormiu naquela noite de tão feliz e pensou "Nem acredito que consegui ficar com ela!". Tão bonitinho..ele lembrava a mim mesma quando eu conseguia finalmente ficar com alguém por quem eu havia sonhado acordada!


Mas aí, não lembro porque EU TERMINEI COM ELE.


Gente, ele chorou tanto, implorou pra que eu não terminasse. Foi horrível, pois sabia o que ele estava sentindo, eu mesma já estive ( e tenho estado) no lugar dele várias vezes.

Foi a ÚNICA vez que EU terminei com alguém.

Ele se mudou do prédio onde moro. Minha vida tomou outros rumos...a dele também. E não nos vimos mais.

Entretanto, sempre fiquei com a imagem dele chorando...e uma vontade de me desculpar por tê-lo feito chorar...como fui má!

Eis que volto um dia da faculdade no ano-passado e...quem sai do elevador?

O próprio.

Marcamos uma volta na praia à beira-mar...onde ouço um "Você continua tão linda quanto no dia em que me apaixonei por você".

Ah...vai, que mulher em sã consciência, na praia, à noite, lua cheia, ex (mais gato do que nunca)...resiste?
Eu ainda não estou rasgando dinheiro, então...REVIVAL

Incluindo convite de casa, comida, roupa lavada e city tour em Paraty, cidade onde ele estava morando agora.
Bem, mas deixamos a distância e a (falta) de internet separar a gente de novo. E aí veio a notícia:


Ainda consigo ouvir a voz da risada dele. E a foto do meu celular, ainda não consegui fazer download pro computador.

( Foto da foto do celular)


Estranho, não fui ao velório (acho que foi lá em Paraty), então a sensação é que isso não aconteceu. Que ele tá lá, só não entramos em contato...

Só posso deixar mais uma homenagem póstuma...pois os bons...morrem jovem...e cedo demais.


Love In The Afternoon
Legião Urbana
Composição: Renato Russo

É tão estranho, os bons morrem jovens
Assim parece ser quando me lembro de você
Que acabou indo embora, cedo demais

Quando eu lhe dizia: - me apaixono todo dia
E é sempre a pessoa errada
Você sorriu e disse: - eu gosto de você também
Só que você foi embora cedo demais
Eu continuo aqui, meu trabalho e meus amigos
E me lembro de você em dias assim dia de chuva, dia de sol
E o que sinto eu não sei dizer- Vai com os anjos, vai em paz
Era assim todo dia de tarde, a descoberta da amizade
Até a próxima vez, é tão estranho
Os bons morrem antes
Me lembro de você e de tanta gente
Que se foi cedo demais
E cedo demais eu aprendi a ter tudo que sempre quis
Só não aprendi a perder
E eu, que tive um começo feliz
Do resto eu não sei dizer
Lembro das tardes que passamos juntos
Não é sempre, mas eu sei
Que você está bem agora
Só que este ano o verão acabou
Cedo demais.

11 comentários:

KAZINHA LACERDA disse...

bah! ninguém merece essas coisas!
pelo menos vcs tiveram tempo (ainda q curto) de mudar a última lembrança q um tinha do outro, né?

força na peruca, menina!
se precisar, estamos aqui!

um beijo

Mel ♪ ♪ disse...

que triste isso...
tenha força e continue lembrando dos bons momentos.

beijocas

As partes interessadas disse...

que chato, jackie... sinto muito...

Bella disse...

nossa jackie, mto triste isso. poxa, essas mortes inesperadas e priciplamente de pessoas jovens são as mais difíceis de lidar justamente pela total surpresa.
fica bem.
bjs

[ r ê ] disse...

ai que triste...

bom eu já ouvi dizer que esse ano será um ano de muitas perdas mesmo, portanto há de se ter muita força!

mas ele está noa braços de Deus agora!

beijos

Ingrith disse...

Oi Jackie, qto tempo, saudades menina! Qtas surpresas no teu blog, desejo muita força pra vc enfrentar esse ano que chega e muito sucesso!

Drica disse...

puxa...q triste mesmo, meus sentimentos! um bjao e fica bem!

fabiana disse...

Méu Déus! Que coisa triste!

={

Luigi disse...

=(

Ah se o tempo voltasse, não é?

Pense, ao menos, como eu pensei quando o Eddie morreu: Ele se foi, mas valeu a pena tê-lo aqui. Por ser bom vai fazer falta, mas é melhor tê-lo conhecido, se enrolado, desenrolado, e vivido, do que ter passado em branco.

bjs!

Diego disse...

*meus sentimentos*

bj

Luigi disse...

O Eddie morreu em 15/10.

bjs